Reader Comments

Para Comemorar: Conheça oito Alimentos Que Ajudam A Queimar Calorias

"Maria Manuela" (2018-06-04)

In response to Quinoa Funciona Mesmo
 |  Post Reply

ver site

Por muito tempo acreditou-se que os famosos abdominais, efetuados no chão com repetidas elevações do tronco, eram a única maneira de ocupar a barriga chapada. Os exercícios abdominais clássicos não se tornam desnecessários diante dos novos exercícios para endurecimento do abdômen", explica o educador físico Victor Valente, da academia Runner.


O fato é que vários tipos de abdominais, no momento em que comparados a exercícios que gerem extenso instabilidade do tronco, como a prancha, são capazes de ativar menos a musculatura e não carregar o consequência esperado". O benefício acontece, principalmente, pela dificuldade de equilíbrio que o exercício gera, exigindo dos músculos abdominais contrações intensas pra que o tronco se continue estável e compense o efeito da gravidade. A escoltar, confira quais são os melhores substitutos do abdominal e como praticá-los.


As pranchas são ótimos exercícios para o endurecimento abdominal, visto que quem a pratica deve preservar seus músculos abdominais contraídos o tempo todo para sustentar o quadril fora do chão", explica Victor Valente. Além dos músculos abdominais mais rasos, como reto abdominal e oblíquos, as pranchas ativam bem como músculos mais profundos, como o transverso do abdômen, e os músculos da coluna responsáveis por conservar a constância da coluna lombar e desse modo precaver lesões. Como fazer: a prancha frontal é feita com os cotovelos flexionados e os antebraços apoiados no chão, como este os pés. O quadril deve ser elevado até o grau dos ombros e tem que ser mantido nesta localização por um instituído tempo.


Como fazer: posicione-se lateralmente no solo com o cotovelo de um dos braços flexionado e o antebraço apoiado no chão, as pernas estendidas, apoiadas simplesmente clique no seguinte documento chão - a perna contrária ao braço apoiado no chão necessita estar ligeiramente a frente. O quadril tem que ser elevado e desse modo mantido pela mesma linha do ombro.


O braço que fica solto podes continuar alongado ou apoiado perto ao corpo. O tempo mínimo de efetivação é de 30 segundos e o que limita o tempo máximo é a exaustão de cada pessoa. Turbine o exercício: quanto menor a distância entre os pés, mais complicado se torna o exercício. Do mesmo modo pela prancha frontal, é possível utilizar superfícies instáveis, como uma prancha de equilíbrio ou um bosu, uma espécie de meia bola que retém base plana e topo arredondado.


Essa intensificação do exercício necessita ser feita somente por quem já realiza o exercício normal com facilidade. Este exercício é muito usado pela modalidade Cross Fit e tem como propósito não só robustecer o abdômen, contudo também os braços e as pernas, e ainda conceder uma elevação considerável da frequência cardíaca", explica Victor Valente.


  • Cereais integrais

  • Elimine o cone do gelado

  • Incorpore um treino de resistência

  • Cerveja (300mL - 126Kcal)

Quer dizer, este imenso exercício une queima calórica e fortalecimento muscular. Por esse caso, o fortalecimento do abdômen é repercussão da indispensabilidade de estabilizar o tronco principalmente durante a flexão de braço e o agachamento. Como fazer: o Burpee acrescenta três exercícios: a flexão de braços, o agachamento e um salto, nesta sequência. Inicia-se o movimento realizando uma flexão de braço até encostar o peito no chão, posteriormente flexiona-se o quadril pela localização do agachamento e executa- se um salto. Em geral o número de séries varia de quatro (iniciante) a 8 (avançado) e o número de repetições em cada uma delas de 8 (newbie) a 15 (avançado). Atenção: o burpee deve ser feito com segurança, dentro dos limites individuais.


Faça o exercício no tempo que atingir e o número de repetições que for possível. O intuito primário do agachamento comum é o fortalecimento dos glúteos e da musculatura extensora da coxa", explica o educador físico Ricardo Burgatti, coordenador da academia K2. Todavia, como ao longo do movimento ocorre uma flexão no quadril junto à flexão do joelho, a manutenção da coluna numa localização neutra é muito primordial e para essa finalidade o abdômen tem que estar firme e fortalecido".


Como fazer: deixe os pés afastados na linha dos ombros. Aproveitando a chance, visualize bem como este outro web site, trata de um tópico referente ao que escrevo por esse artigo, pode ser proveitoso a leitura: simplesmente clique no seguinte documento. A figura necessita estar ereta e você necessita assistir a todo o momento para frente. Faça um agachamento na amplitude máxima do movimento (como se você fosse se sentar em uma cadeira), todavia sem tomar os calcanhares do chão e mantendo o abdômen contraído.


Regresse à localização inicial, expirando o ar ao fazer esse movimento. Comece com 3 séries de 15 repetições. Turbine o exercício: o exercício fica mais violento com o emprego de halteres, que precisam ser carregados nas costas, mas só por quem já está no grau avançado do exercício. Atenção: jamais deixe o seu joelho ultrapassar a linha das pontas dos pés. Ao ampliar pesos e objetos nos participantes superiores, cuidado com a carga utilizada para não sobrecarregar além da medida a coluna. Se o utensílio for pesado a ponto de fazer você arredondar as costas, curvando-a para frente, é melhor diminuir a carga. No exercício de ponte, o tronco fica instável e se faz necessária a contração dos músculos abdominais, responsáveis por estabelecer a coluna e o quadril", explica Victor Valente.



Add comment