Reader Comments

10 Lugares Em São Paulo Pra Se Exercitar Ao Ar Livre

"Paulo Theo" (2018-05-22)

In response to Quinoa Funciona Mesmo
 |  Post Reply

weblink

Prepare-se pra abandonar aquela velha desculpa de não se exercitar porque não tem dinheiro afim de academia: no fim de contas, São Paulo tem inúmeros espaços públicos que permitem (e incentivam) a prática! Não que você queira se tornar bitolado(a) na existência fitness - até pelo motivo de, em uma cidade com a correria de São Paulo, a gente domina que ninguém tem tempo para essa finalidade.


Em um só território, você descobre áreas específicas para caminhar de bicicleta, skate, patins, correr, correr, fazer esportes (como o basquete, como por exemplo) e fazer musculação. Com seus 158 hectares, o Parque Ibirapuera é o mais primordial parque urbano da cidade de São Paulo. Além do Ibirapuera, a cidade retém 63 parques, cuja maioria assim como incentiva a prática de atividade física.


A Praça Roosevelt, localizada entre as ruas Consolação e Augusta, foi repaginada em 2012 e hoje é uma das principais áreas de lazer da cidade. É perfeita para que pessoas quer percorrer de skate, já que detém o piso liso perfeito, e também corrimãos e bancos pra fazer manobras. Desde 2015, a Rodovia Paulista fica fechada aos carros (e aberta aos pedestres) aos domingos.


  • Alterações do apetite
  • Se o cálculo resultou em um número entre dezoito,5 e 24,5, você está pela quantidade certa
  • 1 Gestor Financeiro
  • três - Impeça os alimentos industrializados
  • Seja mais rápido no dia-a-dia

Este novo espaço de lazer da cidade de São Paulo é genial para quem quer percorrer de bicicleta pela extensão da avenida (que imediatamente conta com uma ciclovia própria pra esta finalidade). Quem quiser correr ou correr, também é muito bem-vindo! Nos dias de hoje a cidade tem numerosas delas, e também ciclofaixas e ciclorrotas, pra incitar o exercício de bike pela cidade. Depois da ciclovia da Paulista, a mais famosa é a da Marginal Pinheiros. Você poderá certificar um mapa com todos esses trajetos clique neste local.


São Paulo, a selva de pedra? Existem consideráveis porções de área verde na cidade que te permitem a prática de trilhas mata adentro (trekking). São Paulo detém duas grandes represas de armazenamento de água: a Represa Guarapiranga e a Represa Billings. Ambas são rodeadas por clubes e empresas especializadas em esportes aquáticos que incentivam o exercício recreativo do espaço. Uma dessas atividades é o Stand Up Paddle (SUP), esporte que está cada vez mais popular no litoral paulista - e que também pode ser praticado pela capital! O ducking (que é similar ao rafting, só que num bote pequeno) poderá ser praticado em plena São Paulo capital!


A Reserva Ambiental Capivari-Monos, localizada na zona Sul de SP, região de Parelheiros, é cruzada pelo rio homônimo que permite essa prática. Que tal se aventurar desse esporte radical? Indico ler pouco mais a respeito de por meio do blog Clique neste. Trata-se de uma das mais perfeitas fontes sobre isto este assunto pela web. A prática do rapel não ocorre só nas regiões montanhosas, não! São Paulo tem dois pontos conhecidos de rapel urbano: o Viaduto Sumaré (ali pela estação Sumaré da Linha 2 Verde) e o Mirante nove de Julho (achado atrás do MASP, na região da Paulista). Se você quer se aventurar em um esporte desigual, esses lugares são ótimas dicas!


Quem gosta de esportes aquáticos não tem que sair da capital pra se exercitar! Pela Represa de Guarapiranga, você poderá realizar o wakeboard, kitesurf, windsurf, canoa e bem mais. Alguns clubes, como Team Brasil, ficam às margens da represa para oferecer cursos desses esportes para iniciantes. A Praça Victor Civita, administrada pela Sub-Prefeitura de Pinheiros e o Instituto Abril, é um espaço aberto e gratuito pra realização de exercícios físicos. Entre as atividades estão as aulas de yoga, pilates e dança de salão, além de ser possível usar os aparelhos de ginástica do recinto.



Add comment