Reader Comments

Procura Científica Comprova: Vigilantes Do Peso Emagrece

"Livia" (2018-04-18)

 |  Post Reply

relacionadas do site

A vocalista da banda Aviões do Forró entrou pras estatísticas da operação bariátrica e conta que o bisturi transformou o visual e a existência. No momento em que olho para uma imagem antiga, eu mesmo não consigo me visualizar ali, não consigo juntar uma pessoa a outra. Eu não poderia esquecer-me de referir um outro blog onde você possa ler mais a respeito, quem sabe neste instante conheça ele contudo de qualquer maneira segue o link, eu adoro satisfatório do conteúdo deles e tem tudo haver com o que estou escrevendo nessa postagem, leia mais em Site Relacionado por aqui. Costumo falar que hoje sou uma nova mulher, consumada em todos os parâmetros", alegou ela em entrevista ao iG .


Ela lembra que em um dos shows que fez pelo Brasil chegou a escutar de um dos membros que não valia a pena pagar ingresso "para observar aquilo". Hoje, vestindo saias curtas e calças justas tamanho 38, a cantora, concretamente, parece outra pessoa. Alguns fãs chegaram a meditar que o Aviões tinha mudado de líder.


Os cabelos, prontamente mais escuros, estão a toda a hora lisos. A cantora acredita ter alcançado a plenitude pessoal e profissional. G: Você mudou muito seu porte físico. O que você faz hoje que não conseguia antes? Solange Almeida : Depois da operação bariátrica, minha existência deu uma reviravolta. A primeira mudança foi melhorar a característica de vida. Hoje sou muito mais saudável, adepta de atividades físicas e posso usar qualquer tipo de roupa.


Cheguei a pesar 112 kg e isto era muito constrangedor para mim. Por ti ter uma idéia, eu chegava às lojas, achava as roupas bonitas e pedia um número bem pequeno do que usava, por ter vergonha. E a desgraça se tornava superior no momento em que ia provar a roupa, não cabia.


G: Os shows assim como mudaram? Sentiu diferenças pela persistência pra cantar e dançar? Solange Almeida : Com certeza! A mudança veio em todos os sentidos. Hoje acompanho as coreografias do nosso balé, canto com mais disposição e mudei todo o meu guarda-roupa. Hoje posso utilizar decote e saia justa, tudo fica perfeito. G: Todas as pessoas que fazem essa cirurgia precisam atravessar por uma preparação psicológica. Solange Almeida : Tive e não tive.


Minha psicóloga tentou ao máximo acertar a disponibilidade dela à minha, em consequência a agenda do Aviões. Contudo não deu para incorporar tudo. O insuficiente acompanhamento que tive me ajudou bastante. Busquei sugestões sobre isto, pesquisei muito e tenho um blog que tornou-se uma espécie de auto-socorro para quem se localizam pela mesma situação. Todavia é muito importante ter o acompanhamento de um especialista.


Várias pessoas que se submetem a essa cirurgia e não realizam o tratamento (psicológico) acabam voltando ao mesmo peso. Solange Almeida : Comecei a ganhar peso logo após o falecimento da minha mãe, eu tinha dezoito anos. Cheguei a ganhar vários quilos - e perder assim como - entretanto de doze anos pra cá fui ganhando muito peso, até surgir na minha gravidez, em 2007, passando para 112 quilos.


  • Doença arterial periférica
  • Kopelman PG. Obesity as a medical problem. Nature dois mil;404(6778):635-43
  • 3ª fase da dieta Dukan - fase de consolidação
  • Ingerir três frutas por dia
  • Retire do fogo, espere amornar

G: Os primeiros meses pós-cirurgia são muito restritivos em termos alimentares. Como você enfrentou este recurso? Solange Almeida : São restritivos ao extremo. No meu caso, muito mais difícil devido ao evento de eu viver na rua com o Aviões. No inicio, a dieta é inteiramente pastosa e distribuída ao longo do dia. Nesta hora sonhe conciliar os horários dentro do nosso ônibus e no meio da rodovia.


Contudo deu tudo direito. G: Ainda tem prazer em ingerir? Como é a sua alimentação? Solange Almeida : Como quase tudo. Como falei antes, hoje priorizo a minha peculiaridade de existência e evito frituras, comidas gordurosas. Entretanto não dispenso as massas e os pães. G: Tem alguma rotina de exercícios físicos?


Solange Almeida : Quando a agenda da banda permite, adoro de fazer atividades aeróbicas, como caminhadas. Isso despertou o interesse em investir na especialidade de saúde e, em breve, abrirei uma rede de academias em Fortaleza. Nelas abrirei um espaço com atendimentos por especialistas reservado a pessoas com este tipo de doença (obesidade). G: Muitas pessoas, em especial as mulheres, acreditam que ser magra é a solução pra todos os problemas.


O que você diria pra elas? Solange Almeida: Ser magra é viver saudavelmente, com aplicação física e mental. Eu não seria hipócrita em relatar que ser magra não é bom, a auto-estima vai às nuvens, você a todo o momento está de bem com a existência. G Em conclusão, se pudesse encontrar a Solange do passado, o que diria para ela?


Solange Almeida : No momento em que olho para uma imagem antiga, eu mesmo não consigo me visualizar ali, não consigo juntar uma pessoa a outra. Costumo expor que hoje sou uma nova mulher, consumada em todos os parâmetros e diria a mesma coisa que falavam pra mim: "busque uma existência saudável se livrando do peso".



Add comment