Reader Comments

 

"Joao Pedro Henrique" (2018-03-08)

 |  Post Reply

SÃO PAULO - Os notebooks estão ganhando ainda mais espaço pela moradia e no bolso dos brasileiros. O estudo atribui às iniciativas do governo brasileiro - como a diminuição dos impostos dos Pcs - o aumento nas vendas do aparelho. Desse modo, vale perguntar: até que ponto é vantajoso trocar o não-portátil pela tecnologia móvel?memoria servidor Pc de mesa x Notebooks?


Na hora de optar entre um e outro, ou decidir se troca ou não teu micro computador por um portátil, é necessário transportar em consideração variados fatores, além, é claro, do preço. Mesmo com as políticas de incentivo, o notebook ainda é de maior valor do que os desktops. Além dos preços mais baratos, o Computador costuma ter um funcionamento bastante grande com ligação aos laptops que possuem a mesma configuração. Um modelo é a rapidez com que eles realizam as ações solicitadas.


Isto pelo motivo de, as HDs dos portáteis possuem menos velocidade, mesmo que tenham a mesma competência de armazenamento. Para se possuir uma idéia, durante o tempo que as HDs de desktop chegam a 15000 rpm, a dos laptops possuem no máximo 7200rpm, porém ainda são muito caros. Deste jeito, os mais comuns são de 4500 rpm a 5000 rpm. Outro fator primordial é que os processadores de notebooks são feitos pra não esquentarem muito, ou seja, bem como possuem pequeno prática.


Entretanto, os portáteis possuem a vantagem da mobilidade, e isto nenhum computador de mesa poderá oferecer. Pesar os prós e contras é fundamental antes da compra. Se mobilidade é importante, não há como fugir do laptop. Com telas widescreen e recursos multimídia, eles também são boas opções pros que desejam ver filmes ou ouvir músicas em cada cota da casa, ou ainda durante uma viagem. Neste momento profissionais de design gráfico, cinema, fotógrafos, publicitários e projetistas devem evitar os portáteis, que o funcionamento pode permanecer bastante aquém do esperado. E não se esqueça de obter produtos de boas marcas, com garantia e que tenham um agradável serviço de assistência técnica.


Isto não caracteriza armazenamento de fatos? Porque entendo eu que se ficasse apenas salva no aparelho a pessoa não receberia a mensagem. Elton, seu raciocínio não está falso. O WhatsApp realmente armazena a mensagem pelo menos até ela ser transmitida. Faz parte do funcionamento da rede. No entanto, é relevante perceber que, desde que o WhatsApp adotou a criptografia ponto-a-ponto, o WhatsApp só tem uma cópia criptografada da sua mensagem pra difundir. Ou melhor, apesar de ele tenha a tua mensagem, ele não podes acompanhar o assunto dela. Em vista disso, mesmo que o WhatsApp tenha em posse centenas de milhares de mensagens cuja transmissão esteja pendente, ele não tem, primeiramente, condições de ver o conteúdo de nenhuma dessas mensagens.


De acordo com o WhatsApp, entretanto, os servidores não guardam cópias das mensagens depois que elas foram transmitidas. É neste sentido que "não há armazenamento das mensagens transmitidas". Um detalhe, contudo: domina-se que o WhatsApp salva arquivos (como imagens) mesmo depois de eles serem transmitidos. Aproveitando a oportunidade, veja também esse outro blog, trata de um conteúdo referente ao que escrevo por esse artigo, podes ser proveitoso a leitura: memória ram para servidor hp 16gb https://www.sinergiati.com.br/memoria-ram. Eles também são criptografados da mesma forma que as mensagens, porém a documentação da criptografia do WhatsApp não diz quando os arquivos enviados aos servidores do WhatsApp são removidos.


Tenho conta no banco que tem o Warsaw, tem qualquer outro meio de acessar a conta? A instalação desse software deixa a máquina muito lenta. Acho que ele não verifica apenas a página do memoria servidor ecc 4GB https://www.sinergiati.com.br/memoria-ram banco, e sim toda a navegação. Sem a instalação dele (Warsaw), o freguês fica de fato, vulnerável? Que tem extensões no navegador que possibilitam o acesso. Marcelo, se o teu banco necessita de a instalação de um módulo de segurança pro acesso, você deve instalá-lo.


Caso você não siga as instruções do banco, você poderá não ter certo de ressarcimento no caso de fraude em sua conta, tendo como exemplo. Alguns tribunais brasileiros têm decidido que os bancos são os responsáveis na segurança dos freguêses. Bem que este conhecimento não seja unânime e características especificas de cada caso possam deixar o correntista com a responsabilidade pela fraude, o evento é que, se o banco é responsabilizado, ele acaba tendo que tomar medidas de segurança. Na avaliação desta coluna, este procedimento das organizações bancárias - impor a instalação de um programa, independentemente do teu funcionamento -, não é adequado.


  • Direção de implantação do módulo
  • Bateria não removível
  • Startup dos EUA cria Pc de US$ 170 com socorro de moradores de favelas do Rio
  • Bateria removível
  • Não tem novidades significativas em conexão ao iPhone 5 (fora o suporte a redes 4G)
  • 172 posts

Porém, ele acaba sendo essencial por causa do cenário brasileiro, já que o correntista não é o único responsável pelo tua própria segurança. Eu, pessoalmente, prefiro mil vezes ter responsabilidade pela minha segurança a instalar qualquer programa cujo funcionamento eu não conheço. No entanto a lei, ao proporcionar "direitos" ao consumidor, acaba por não considerar os deveres (como aceitar a imposição de regras por cota do prestador de serviço) que estes direitos acabam trazendo. E o banco, por sua vez, não poderá permitir que "alguns" consumidores entrem sem o programa de segurança, pois que essa porta "alternativa" de entrada poderia ser explorada por vírus pra burlar o programa de segurança.


O que poderia ser um diferencial do banco acaba sendo obrigatório. Desconfie muito de extensões ou programas que asseguram permitir o acesso burlando a segurança do banco, em razão de estes próprios programas são capazes de ser fraudulentos ou evidenciar você a riscos. Use o celular para acessar banco.memoria servidor Aplicativos pra smartphones não são invasivos. O smartphone tende a ser mais seguro pro acesso ao banco e, além disso, o emprego da câmera para ler códigos de barras e outros recursos do gênero acabam resultando o acesso mais conveniente.


Use uma máquina virtual. Em diversos casos, o módulo de segurança é compatível com Linux. Você pode instalar o programa VirtualBox e depois instalar o Linux em uma máquina virtual. É um procedimento cem por cento gratuito. Você logo pode acessar o banco dentro dessa máquina virtual e o módulo de segurança ficará isolado dentro da máquina virtual. No momento em que a máquina estiver fechada, não haverá nenhum efeito em teu pc.


Se o seu sistema não tiver recursos para rodar uma máquina virtual (recomenda-se um mínimo de quatro GB de memória RAM), você podes memoria servidor ddr3 16gb instalar o Linux em um pen drive. Você vai ter que utilizar um pen drive para que o sistema possa ter alterações permanentes (do inverso, não vai ser possível instalar o módulo de segurança do banco). Veja o conclusão nesse guia para acompanhar como instalar o Linux em um pen drive. Use um computador contrário pra acessar o banco. É um tanto exagerado, contudo é a estratégia que adoto hoje no caso de o acesso pelo aplicativo não ser bastante pra fazer o que preciso.


Exercício um notebook antigo que imediatamente não serve pra algumas tarefas e tem pouco valor de revenda. As dicas dois e 3 são bastante inconvenientes, em razão de requerem que você inicie uma máquina virtual pra acessar o banco ou reinicie o pc inteiro a partir de um pen drive. Se nada disso auxiliar, você deverá instalar o módulo de segurança do banco no teu micro computador ou ter (quase) a todo o momento a máquina virtual em efetivação.



Add comment